Equatorial Pará orienta sobre riscos de acidentes com a rede elétrica em época de chuva

Esse período marcado por temporais nas regiões do baixo e médio Amazonas, exige atenção quanto ao uso da energia elétrica – tanto dentro das residências quanto ao ar livre. Tudo porque as chuvas costumam vir acompanhadas por ventos, que podem lançar galhos de árvores e outros objetos na fiação, provocando ocorrências.
Em muitos casos, as chuvas também podem vir acompanhadas de descargas atmosféricas (raios), causando, inclusive, morte.  Para evitar problemas, a distribuidora apresenta algumas orientações de segurança para prevenir acidentes com eletricidade.

Dentro de casa:
• Não ligue equipamentos elétricos se você estiver molhado ou descalço;
• Em caso de choque elétrico dentro de casa, desligue imediatamente o disjuntor;
• Desconecte das tomadas, com segurança, os aparelhos eletrônicos que não estiverem sendo usados;
• Se perceber que as paredes da casa estão úmidas, evite o contato e não ligue equipamentos elétricos em tomadas instaladas ali, pois elas podem ser fonte de choques e mau funcionamento de equipamentos;
• Não seque roupas na parte de trás da geladeira. Isso representa risco de choque elétrico e pode danificar o equipamento.

Ao ar livre:

• Sempre mantenha distância da rede elétrica, independente se estiver chovendo ou não;
• Evite ficar em áreas descampadas (abertas) como campos de futebol, piscina, praia, árvores e locais elevados. Recomenda-se ficar dentro de casa ou em local abrigado durante a chuva;
• Não fique debaixo de árvores e/ou estruturas metálicas durante temporais com raios e, em casa, evite o contato com objetos com estrutura metálica como fogão, canos etc., sobretudo se a casa estiver em campo aberto;
• Não realize serviços como instalação ou manutenção de antenas em locais onde o risco de exposição aos raios seja maior;
• Não instale, desligue ou remova antenas se estiver chovendo. Se sua antena cair sobre a rede ou próximo a ela, nunca tente segurá-la ou recuperá-la;
• Caso encontre um fio caído, jamais se aproxime e ligue imediatamente para 0800 091 01 96.

Gostou desse artigo? Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Muito obrigado por sua audiência e caso tenha algum comentário sobre a experiência no site, fale conosco nas nossas redes sociais.

Assine grátis nossas notícias

Rolar para o topo