Equatorial Energia anuncia mudanças no prazo de entrega das faturas em Tailândia

O município de Tailândia, nordeste do Estado, está recebendo uma série de obras estruturantes e serviços que visam melhorar a qualidade do fornecimento de energia elétrica, entre elas, a implantação do Sistema de Medição Centralizada (SMC), que envia informações em tempo real para o Centro de Operações Integradas (COI).

O novo sistema opera de forma remota, permitindo a distribuidora uma rapidez e agilidade em vários processos, principalmente em casos de interrupção no fornecimento de energia.

No SMC, a rede elétrica passa por modificações para receber os novos transformadores e cabos, o sistema moderniza o processo de faturamento, onde o cliente pode acompanhar a leitura e o consumo de energia através do display do medidor, instalado em casa.

Conforme o Gerente de Relacionamento com o Cliente da Equatorial Pará, Guilherme Gilson, a distribuidora investiu R$ 45 milhões no projeto de modernização da rede, que deve beneficiar mais de 18 mil clientes em Tailândia. “Os clientes podem optar em receber a conta por e-mail, e adquirir a fatura através assistente virtual, Clara e do aplicativo Equatorial”, explica.

Ainda de acordo com Gilson, no sistema de medição antigo, a fatura era produzida na hora da medição do consumo da residência. Com o SMC, a leitura é feita e o cliente tem o prazo de até sete (07) dias para receber o talão em casa. Alteração não muda a forma de entrega da fatura ou de cobrança, também não modifica os dados informados aos clientes e os canais de pagamento.

“Estamos trabalhando para melhorar, cada vez mais, a rede elétrica na região, com o objetivo de reforçar a qualidade e confiabilidade no fornecimento de energia, contribuindo ainda para uma aproximação maior com os nossos clientes”, finaliza.

Gostou desse artigo? Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Muito obrigado por sua audiência e caso tenha algum comentário sobre a experiência no site, fale conosco nas nossas redes sociais.

Assine grátis nossas notícias

Rolar para o topo